Header Ads

DORES NO PÉ DA BARRIGA PODE SER UMA GRAVIDEZ ?

DORES FORTES NO PÉ DA BARRIGA, O QUE SERÁ?

Sim, dores no pé da barriga pode ser gravidez. Porém, as famosas dores no “pé” da barriga ou baixo ventre, podem ter outros motivos além de ser um dos indícios de que uma gestação está em andamento. As dores ou mesmo as cólicas podem aparecer após a ovulação e também em outras situações como a TPM por exemplo.

Porém, as dores no pé da barriga também podem querer dizer que tem alguma coisa errada no corpo. Veja quando se preocupar quando as dores aparecerem e quando eles podem ser sinal de gravidez em andamento.
 
Dor no pé da barriga e nas costas pode ser gravidez quando acontecerem após o atraso menstrual e após o período fértil. Às vezes pode parecer que está presente uma dor fina de um dos lados do baixo ventre, às vezes dos dois lados.

A barriga também pode apresentar um pequeno inchaço. Essas dores podem ser provenientes do corpo lúteo, a cicatriz que fica quando a mulher ovula. A progesterona secretada por ele traria o inchaço e a irrigação de sangue para que ele produza esse hormônio, traz as dores.

É muito comum a mulher que ovula e tem uma função ativa do corpo lúteo sentir cólicas e até uma dor no pé da barriga e nas costas mais intensa. Ela pode chegar a pensar que há algum problema maior por traz dessas dores, mas são dores funcionais do corpo. Para aliviar esses sintomas, existem medicamentos adequados, e caso haja gravidez de fato, não há riscos se usado.

Porém nem todas as dores no pé da barriga é gravidez. Como dito, as dores são de ovulação e então, esse óvulo pode ter sido fecundado ou não. Mesmo que seja fecundado, há o risco de não implantar e aí a gravidez não acontece. Por isso, o indicado é aguardar e, caso as dores persistam no período após o atraso menstrual, ai sim, há indícios de que possa haver a gravidez.

Se as dores intensificarem e houver um sangramento mínimo sem fluxo, de cor amarronzada ou roseada, pode ser a famosa nidação. Porém nem toda nidação tem sangramento aparente e a dor simplesmente fica um pouco mais forte de um dia para o outro.

Vale lembrar que dores no pé da barriga pode ser gravidez, mas também problemas com essa gravidez. A gravidez ectópica ou tubária proporciona a mulher uma dor cada vez maior, por isso, o ideal é investigar com um médico a causa dessas dores se já tiver certeza da gravidez.


Deixe seu comentário ou sugestão e compartilhe nas redes sociais.

*Fonte: Trocando Fraldas

Tecnologia do Blogger.